Enem 2016, MEC divulga datas das inscrições e provas. Anote no calendário!

enem

O Exame Nacional do Ensino Médio é aplicado, desde 2009, em dois dias: sábado e domingo. Neste ano, as datas escolhidas para as provas foram 05 e 06 de novembro, com portões abrindo às 12h e fechando às 13h (horário de Brasília). As inscrições começam no dia 09 à 23h59 do dia 20 de maio. Durante o período, o candidato precisa escolher qual o município em que deseja fazer as provas.

Fiquem atentos ao aumento da taxa de inscrição, que subiu de R$ 65 para R$ 68 nesta edição. Os participantes poderão pagar o valor até o dia 25 de maio, às 21h59, por uma guia de recolhimento da União. O pagamento poderá ser feito em qualquer agência bancária, além de lotéricas e agências dos Correios.

Os estudantes que concluíram o ensino médio em escola pública em 2016 e os candidatos que se declararem “carentes” serão isentos da taxa de inscrição do Enem 2016. Os que solicitaram isenção no ano de 2015, mas não compareceram às provas, não terão direito ao benefício nesta edição. Os interessados poderão apresentar uma justificativa para a ausência e o Ministério da Educação (MEC) irá analisar cada um dos casos individualmente.

Todos os estudantes que preencherem as suas inscrições corretamente, obedecendo a todas as exigências do Exame, terão acesso ao cartão de inscrição do Enem 2016. O documento ficará disponível na página do participante, no portal do Inep, no mesmo endereço onde são realizadas as inscrições.

Neste ano, assim como aconteceu em 2015, não serão distribuídas versões impressas dos cartões nos endereços dos candidatos. Estes, por sua vez, terão acesso ao documento apenas via internet, mediante a informação do número de inscrição e senha do Enem 2016, tendo a opção de salvar ou imprimir o cartão.

No cartão de confirmação de inscrição do Enem 2016 constam as seguintes informações: número de inscrição, data, horário das provas, endereço completo do local de prova, indicação da necessidade de atendimento diferenciado (se for o caso), opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol) e solicitação de certificação (se for o caso).

Os portões dos locais de prova serão abertos ao meio dia e fechados às 13h, pontualmente. Por isso, é essencial que o estudante se planeje com antecedência para evitar atrasos. Em qualquer município brasileiro será levado em conta o horário oficial de Brasília/DF.

Fique por dentro de todas as novidades do Exame acompanhando a página do Enem 2016 no facebook.

Via: Universia Brasil e ENEM2016.net.br

 

Você também pode gostar:

– Conheça a Hora do Enem, a Netflix do MEC.

– Organize e Otimize seus Estudos com a Técnica japonesa do quadro Kanban.

– O Novo Acordo Ortográfico já Entrou em Vigor no Brasil. Fique de Olho!

Características fundamentais para você ter sucesso em um curso de EAD

shutterstock_164634131

Fazer um curso que não exige presence diária na sala de aula e é você quem decide como, onde e quanto estudar parece fácil. Mas não é! Essa é a principal “surpresa” que os alunos costumam encontrar ao decidir cursar uma graduação a distância. Estudar sozinho em frente ao computador, sem um professor dando a matéria e sem a companhia dos colegas de turma, e ainda respeitar a carga horária das disciplinas, pesquisar na internet, assistir a vídeos, fazer as tarefas, participar de chats e fóruns não é pouca coisa. E se a instituição de ensino for boa, é preciso estudar até mais do que num curso presencial!

Assim, não é qualquer um que consegue ter sucesso e concluir uma graduação por EAD. Para se dar bem, é preciso ter algumas características pessoais. Acompanhe a seguir as principais.

Disciplina
É a primeira condição para seguir um curso de EAD. Conseguir dedicar-se aos estudos com seriedade e regularidade é essencial. “O aluno deve respeitar horários fxos para estudar e fazer as atividades. Caso contrário, ele corre o risco de não conseguir acompanhar o curso e nem tirar boas notas nas avaliações”, alerta Carlos Longo, diretor da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed). Por isso, é importante fcar longe de distrações como internet e programas de TV. Não pode perder o foco nem a concentração.

Organização
Outra característica importante é a organização. “O estudante tem que fazer um planejamento, criar uma rotina de estudos, estabelecer metas diárias, priorizar as tarefas mais urgentes e organizar o material a ser estudado”, aconselha Longo. Todo curso em EAD tem uma programação e um cronograma para a entrega de trabalhos e provas presenciais. Uma dica é ter uma agenda exclusiva para isso. Vale lembrar que, além das atividades virtuais, há também as aulas nos polos de apoio. É preciso conciliar tudo.

Motivação e proatividade
O próprio aluno deve se motivar para estudar. Isso signifca se sentir estimulado a dominar o conteúdo do curso. E isso só depende dele mesmo na modalidade a distância – diferente do presencial, em que o estudante é mais passivo, pois o professor está lá à disposição dele durante as aulas. Para Longo, a automotivação e a proatividade andam juntas. São pontos importantes: ter iniciativa para mergulhar a fundo nos assuntos das aulas, pesquisar fontes complementares, participar de fóruns e chats. Para que tudo isso dê certo, tem de ter também persistência.

Curiosidade e autonomia
Mais duas características fortes para um perfl de aluno EAD. “O estudante precisa ser investigativo. Sempre ter o desafo de correr atrás de conhecimento, pesquisar muito em diversas fontes, rever as videoaulas, ler e reler o material, formular suas perguntas e buscar respostas com professores, tutores e colegas de turma”, afrma Longo. Se as dúvidas se acumularem, o aluno terá difculdade de acompanhar os tópicos seguintes das aulas, pois geralmente eles obedecem a uma sequência.

Familiaridade com a tecnologia
O estudante de EAD precisa conhecer o universo virtual e saber navegar com facilidade em sites e portais. Também é necessário ter acesso à tecnologia: um computador com boa capacidade de memória, acesso à internet por banda larga, webcam e aplicativos confáveis. Na hora de escolher a instituição de ensino, é importante verifcar se o aparelho é compatível com a plataforma utilizada no curso. E, é claro, também é fundamental ter familiaridade com todas as ferramentas tecnológicas que serão utilizadas ao longo da graduação.

Texto via Guia do Estudante

Saiba como alavancar seus estudos e carreira profissional, fazendo cursos de extensão.

shutterstock_109084364

Você já ouviu falar em cursos de extensão universitária? Sabe como eles podem te ajudar nos estudos, abranger seus conhecimentos e ainda por cima alavancar sua carreira profissional? Nesse post vamos responder a todas as suas dúvidas sobre o assunto e dar boas razões para você optar por um curso de extensão 🙂

O que são cursos de extensão?

São cursos de curta e média duração feitos para atender necessidades específicas de profissionais e estudantes que buscam aprofundar seus conhecimentos em determinada área. O lado positivo é que um curso de extensão não é necessariamente uma pós-graduação. Então, o aluno pode ser formado no ensino superior, estar cursando a universidade, ou nenhuma das duas opções anteriores. Ou seja, a extensão universitária não tem como pré-requisito a graduação em curso superior. Qualquer pessoa pode se inscrever desde que atenda os pré-requisitos estipulados pela instituição de ensino que oferece o curso.

Por que fazer?

Os cursos de extensão universitária são atualizados com o mercado de trabalho e alinhados com conteúdos acadêmicos recentes. Além disso, as aulas são práticas e diretas ao ponto. O aluno do curso de extensão investe pouco, economiza tempo e recebe conteúdos de qualidade, e práticos para a sua necessidade, seja ela profissional ou acadêmica. São ideais para aquelas pessoas que querem se especializar em uma área e manter o currículo atualizado. Os cursos de extensão oferecem o melhor do conteúdo acadêmico com a praticidade que tanto buscamos. São cursos com carga horária inferior, se comparados com cursos de graduação ou pós-graduação, mas com qualidade a nível de ensino superior.

Quais são os pontos positivos?

Além de ampliar seus conhecimentos os cursos de extensão são muito bem vistos por empresas e instituições. Seu currículo ficará ainda mais atraente e competitivo para o mercado de trabalho. Aprimorar sua carreira deve ser algo contínuo. As realidades e informações mudam constantemente. O que você aprendeu anos atrás pode ter se tornado obsoleto. Novas informações e técnicas surgem todos os dias, e você precisa estar antenado na sua área. O ponto positivo dos cursos de extensão é que eles são práticos, confiáveis, atuais, rápidos e com um valor atraente. 

Como fazer?

O UNASP oferece diversos cursos de extensão universitária a distância. O que significa que você pode estudar na sua casa, seguindo seu ritmo e cronograma pessoal. Não é ótimo? Os cursos estão divididos em áreas como:

2

 – Administração

– Direito

– Educação

– Formação teológica

Música

Nivelamento

Saúde

Tecnologia

1

Para ingressar em um dos cursos é muito fácil, basta acessar nosso site e escolher uma das opções da nossa lista. Os cursos estão sempre disponíveis, basta acessar e começar! Além disso todos eles oferecem um certificado após a conclusão. Passa lá nosso site para dar uma olhada no que preparamos para você! 

Bons estudos!

No curso a distância, interagir é a chave para o sucesso.

alunos ead

Imagine uma sala de aula com muitos alunos, alguns que moram bem longe de você, em outro estado e até, quem sabe, em outro país. Vocês não precisam se encontrar todos os dias, no mesmo horário e em uma sala física. Na verdade, tudo acontece pela tela de um computador. Essa é a realidade de quem estuda pelo EAD.

Através do de um ambiente virtual você tem acesso aos seus colegas e professores. E não se engane, mesmo que seu curso não seja presencial, ainda é muito importante que você interaja nas suas aulas.

Pesquisas revelam que os estudantes de EAD apreciam a velha e boa comunicação interpessoal. De certa forma, eles tem razão! Conversar com os colegas sobre as matérias, tirar dúvidas com os professores e ouvir opiniões construtivas, é fundamental para o processo de aprendizagem. Essa interação que já conhecemos tão bem no formato presencial costuma ser diferentes pelo EAD.

Um curso a distância não é feito só de tecnologia (apesar de ser base e um componente importante). A interação entre tutores, alunos e professores é um dos motivos principais para você se manter motivado no decorrer do curso. Portanto use os fóruns de discussão para conhecer seus colegas, expor sua opinião, ler outras opiniões e fazer networking.

Não tenha receio de perguntar e participar! No processo do EAD interagir é fundamental para o rendimento geral da turma. Aproveite os encontros presencias para conhecer melhor seus colegas, e não esqueça de levar essa interação também para o ambiente virtual.

LEIA TAMBÉM

– 8 razões para você fazer um curso a distância

– Dicas para você se dar bem nos estudos online 

– O próximo passo: Saiba como escolher a pós-graduação ideal para a sua carreira 

 

UNASP VIRTUAL: O Sucesso Chegou Até Você

UNASP VIRTUAL

Você já ouviu falar em Educação a Distância? Sabe como funciona esse processo inovador de educação. Não? Então essa é a sua chance de dar uma guinada na carreira, aprender coisas novas e tornar-se um profissional desejado no mercado de trabalho! Assista o vídeo abaixo e descubra mais sobre o UNASP Virtual, e o que podemos fazer para te auxiliar na conquista dos seus sonhos 😀

Estamos te esperando! Acesse nosso site e faça já a sua inscrição.

Qual é a diferença entre uma pós-graduação lato sensu e stricto sensu?

Na hora de escolher um curso de pós-graduação algumas dúvidas podem surgir. Por exemplo: Qual é a diferença entre uma pós lato sensu de uma stricto sensu?

É muito simples.

Lato Sensu significa “em sentido amplo” e compreende os cursos de pós-graduação voltados para alguma especialização. Isso significa que você só poderá cursar uma pós lato sensu após a conclusão de alguma graduação, independente da área. Normalmente quem escolhe esse tipo de pós é o profissional que já está no mercado de trabalho e que busca aperfeiçoar seus conhecimentos. De acordo com o MEC a pós em lato sensu são programas de especialização e incluem os cursos designados como MBA. E ao final do curso o aluno recebe um certificado.

Já a pós em Stricto Sensu significa “em sentido limitado” e abrange os cursos de mestrado e doutorado. Assim como na Lato Sensu, é obrigatório que você tenha concluído um curso de graduação. Normalmente, os alunos que optam por fazer um mestrado e um doutorado, são aqueles que desejam seguir uma carreira acadêmica, seja dando aulas, atuando em pesquisas ou projetos. E ao final do curso o aluno recebe um diploma.

O UNASP Campus Virtual oferece cursos de pós graduação a distância em diversas áreas. Através dos nossos cursos você estudará em um ambiente virtual com ferramentas projetadas para maximizar a colaboração e a construção do conhecimento. Tudo isso com a facilidade de estudar pela internet, de qualquer lugar do Brasil. Venha conhecer nossos cursos e propostas. Estamos esperando por você!

O próximo passo: Saiba como escolher um curso de pós-graduação ideal para sua carreira

1

Logo após a conclusão de um curso de graduação é comum pensar em qual será o próximo passo em relação aos estudos. Dar uma pausa na vida acadêmica, ou investir em uma pós? Mestrado, doutorado, MBA, especializações. O que não falta são opções de cursos.

Hoje em dia é preciso levar em consideração as exigências do mercado de trabalho. Atualmente a procura por profissionais com alta qualificação tem aumentando de maneira surpreendente. Imagine a competição. Há milhares de pessoas disputando poucas vagas, não adianta apenas o esforço ou vontade de trabalhar, é preciso mostrar que você é um candidato forte para disputar o cargo dos seus sonhos. Fazer uma pós é importante para:

– Enriquecer o currículo com uma experiência de peso

– É um excelente canal para o desenvolvimento de networking, aumento da rede de contatos

– Superar desafios

– Ampliar conhecimentos

– Corrigir a rota profissional

– Aperfeiçoamento em uma área específica

– Reavaliação de conceitos

Esses são apenas alguns dos benefícios da pós-graduação. Se você tem vontade de crescer e pensa em aperfeiçoar a sua carreira o nosso conselho é, faça uma pós o quanto antes.

Agora, talvez, a pergunta seja outra: Como escolher uma pós graduação ideal para a minha carreira?

Essa não é uma das escolhas mais fáceis, até porque você está lidando com o seu futuro, e ainda por cima com investimento financeiro. Mas não se preocupe, também não chega a ser uma escolha tão complicada. Basta fazer algumas avaliações.

1-) DE OLHO NO ALVO: Qual é seu objetivo profissional? Avalie o que você construiu até agora na sua carreira. Onde você quer chegar? Como você imagina a sua vida profissional no futuro? O que o seu segmento, no mercado de trabalho, está exigindo dos profissionais? Estabeleça um alvo, esse um bom começo.

2-) MESTRADO, DOUTORADO, MBA e ESPECIALIZAÇÕES: Se você quer trabalhar no meio acadêmico, mestrado e doutorado são as opções mais indicadas; se a sua ideia é ir para o mercado então a melhor opção são MBA ou especializações. Claro que essas regras não absolutas.

3-) BUSQUE INFORMAÇÕES: Pesquise, leia muito sobre o assunto, converse com outros profissionais e, principalmente, com pessoas que fazem ou já fizeram a pós-graduação que você gostaria de cursar. Ouvir a opinião dos outros poderá te ajudar muito na hora de escolher sua pós.

4-) AVALIE A INSTITUIÇÃO: É muito importante ingressar em uma instituição de confiança e qualidade. Há uma série de critérios para fazer essa avaliação. A primeira, e uma das mais importante, é a regularização e o status do curso no Ministério da Educação (MEC). Essa regularização depende da modalidade: lato sensu ou stricto sensu. Avaliar a estrutura e a infraestrutura da instituição de ensino e sua reputação no mercado, são outros bons indicadores de qualidade. Avalie os pontos fortes da instituição como também as limitações. Entre em contato com a secretaria, essa é uma ótima maneira para ter uma noção da instituição.

5-) LEVE EM CONSIDERAÇÃO O INVESTIMENTO: Investir em educação é importante, mas infelizmente nem todos os valores dos cursos correspondem ao nosso salário. É importante investir em qualidade, mas não pense que apenas cursos caros são bons. Há muitas instituições de confiança e qualidade que oferecem cursos de pós com preços bem atrativos.

Aqui no UNASP oferecemos cursos de pós-graduação em diversas áreas: em educação, saúde, comunicação, administração, ciências exatas, entre outras. Os cursos são ministrados tanto em modo presencial, como também a distância. Ideal para todos os estilos de vida e necessidades. Ficou interessado(a)? Clique aqui para conhecer um pouco mais sobre a nossa instituição e cursos. 

Faça cursos online grátis nas melhores universidades do mundo

 

O novo acordo ortográfico já entrou em vigor no Brasil. Fique de olho!

Depois de um período de seis anos de transição, o acordo ortográfico assinado por países de língua portuguesa entrou oficialmente, em 2016, em vigor no Brasil.

Assinado em 1990 com outros Estados-Membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa com a intenção de padronizar as regras ortográficas, e facilitar o intercâmbio cultural e científico entre os países de língua portuguesa ampliando, assim, a divulgação do idioma e literatura. O acordo era para ter entrado em vigor em 2013 no Brasil, mas após algumas polêmicas e críticas ficou firmado que entraria em vigor somente no dia 1º de Janeiro de 2016.

Ao todo, menos de 1% das palavras no Brasil vão mudar, mas as regras são muitas! Algumas palavras perderam o acento, outras se separaram ou se uniram. O alfabeto também ficou maior, agora além do K, temos o Y e o W. Portanto é importante ficar atento, pois já está sendo cobrado o novo acordo em documentos oficiais, provas, textos acadêmicos, livros, etc. 

É importante destacar que o acordo é meramente ortográfico, isso significa que se restringe à língua escrita, e que não irá afetar os aspectos da língua falada e muito menos os aspecto regionais de cada país que assinou o acordo.

E se você está em dúvida em relação as mudanças que ocorreram acesse o sistema de busca do Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, que contém 381.000 verbetes, as respectivas classificações gramaticais e outras informações conforme descrito no Acordo Ortográfico. Agora é estudar e ficar de olho nas mudanças.

Treinar inteligência emocional aumenta o desempenho escolar, indica estudo

Focando no social e emocional e nova abordagem de ensino apresenta resultados positivos nas escolas.

Muitos professores acabam concentrando o seu método de ensino apenas na transmissão de conteúdos e no desenvolvimento de habilidades técnicas esquecendo-se de algo muito valorizado nos dias atuais: o desenvolvimento da inteligência emocional. Essa habilidade pode ser decisiva para o futuro profissional dos estudantes e, por isso, precisa ser incorporada na sala de aula e estimulada desde cedo nas escolas.
Diante desse cenário, uma nova abordagem de ensino tem surgido no ambiente educacional: trata-se de SEL, sigla em inglês para “aprendizado emocional e social”. Segundo artigo publicado no Washington Post, esse novo método consiste em treinar o estudante para pensar e agir de uma forma positiva.
Segundo o jornal norte-americano, o método foi aplicado em duas universidades localizadas em Chicago: na Universidade de Loyola e na Universidade de Illinois, em um estudo, divulgado no jornal Child Development.
Durante a pesquisa, um grupo de estudantes foi analisado por um período, no qual participaram de aulas voltadas ao desenvolvimento emocional e social. O resultado mostrou que os alunos que tiveram essas aulas tiveram uma melhora de 11% em relação ao resultado obtido nas provas, comparados aos estudantes que não participaram da experiência.
Além disso, também houve um avanço em relação a características pessoais positivas como boas habilidades para o convívio social, melhor comportamento, maior cooperação e disposição para ajudar os colegas. Segundo o jornal, os efeitos do estudo puderam ser observados até 6 meses depois que a pesquisa foi concluída.

Segundo o estudo, o modelo SEL apresenta resultados eficientes em todos os níveis da educação, desde o ensino fundamental até o colegial. O método também é eficiente quando aplicado em diferentes ambientes de ensino, desde escolas urbanas até as localizadas em áreas rurais.

Para os autores da pesquisa, treinar as habilidades emocionais dos alunos no ambiente acadêmico é importante porque pode motivá-los a persistir nos seus objetivos, fazendo com que enfrentem os desafios mais facilmente. De acordo com os especialistas, os estudantes que conseguem manter a própria motivação, sabendo controlar o seu próprio comportamento e o seu nível de estresse, costumam aprender melhor e conquistar melhores notas.

Fonte: Universia Brasil