6 cursos online e grátis do Google para você fazer agora!

google_mobilegeddon

Tem interesse pelo universo digital e gostaria de se especializar em temas relacionados aos negócios e funcionamento da web? O Google pode te ajudar! Os cursos online oferecidos pela empresa foram desenvolvimentos na Espanha e estão disponíveis para qualquer pessoa, basta acesso ter à internet e um (o que talvez complique um pouco) conhecimento prévio da língua espanhola.

Para acessar os cursos é muito fácil, basta se inscrever diretamente no site. No final de cada curso, a plataforma emite um certificado endossado por instituições de ensino da Espanha. Veja só as opções!

1- Marketing Digital

Descubra quais são as ferramentas básicas de marketing digital para melhorar o seu perfil profissional. O curso inclui conteúdo dos fundamentos da tecnologia e mundo digital, SEO, SEM, e-commerce, marketing de mídia social e dispositivos móveis, web analytics e empreendedorismo.

Duração: 40 horas.

2- Web Analytics

Com este curso livre você vai aprender a interpretar e analisar o tráfego de dados em seu site. Descubra quais são os conteúdos mais visitado e desperta interesse entre os seus usuários ou clientes.

Duração: 40 horas.

3- Comércio eletrônico

Transforme um negócio tradicional em um negócio on-line! Descubra como comprar e vender produtos e serviços online, quebrando fronteiras e alcançando novos clientes.

Duração: 40 horas.

4- Desenvolvimento web

Com este curso gratuito você se tornará praticamente um web design profissional. Na primeira parte do curso você aprenderá como o Web nasceu e como ele se tornou o que é hoje. E aprenderá a programar usando HTML5.

Duração: 40 horas.

5- Produtividade pessoal

Saiba mais sobre as ferramentas e processos que ajudarão você a ser mais produtivo no trabalho ou ao desenvolver um projeto. Você vai aprender aspectos relacionados com a gestão do tempo, marca pessoal, a reputação online, geração de ideias, etc.

Duração: 40 horas.

6- Empreendedorismo

Você tem um projeto e não sabe por onde começar? Este curso pode ajudar! O Google vai te apresentar ao mundo do empreendedorismo de uma maneira divertida, enquanto você descobre como transformar suas ideias em realidade.

E aí, qual você vai escolher?

Aprenda idiomas com cursos online

linguas

Aprender uma nova língua é essencial, tanto para os estudantes quanto para os profissionais do mercado. O mundo está globalizado e exigente. Por isso, o ideal é começar o quanto antes!  Existem muitas plataformas que visam ensinar idiomas de uma maneira mais didática e divertida. Os sites online podem ser uma ótima pedida, tanto para intensificar o aprendizado como para aprender do zero.

Veja só!

1 – Rype

Rype é um site que oferece aulas particulares com professores do mundo todo. Você pode experimentar as aulas grátis durante 14 dias, e depois desse tempo de experimentação o site passa a ser um serviço pago. Um dos grandes benefícios da plataforma é que você pode ter aulas ilimitadas de acordo com a sua necessidade e preferências.

2 – Conversation Exchange

Esse site é ideal para quem quer praticar conversação. Você se conecta com outros falantes de diferentes idiomas e pode praticar de forma gratuita.

3 – Memrise 

O Memorize tem como objetivo ampliar o seu vocabulário. O site usa um esquema de jogo, fazendo com que você entre em contato com diversas palavras de diferentes idiomas. É uma ótima ferramenta complementar aos estudos.

4 – BBC languages 

O serviço é oferecido gratuitamente pela BBC e tem conteúdos para cerca de 8 a 10 idiomas diferentes. Há  vídeos explicativos como também materiais escritos. Esse é um ótimo site para complementar os seus estudos.

 

Faça cursos online grátis nas melhores universidades do mundo

 

Conheça o Zoony, o portal que conecta você ao mercado

1380762771

Os jovens estão cada vez mais imediatistas, multitarefas e não pensam duas vezes antes de trocar seu ambiente de trabalho por uma vaga que faça mais sentido no que consideram como valor e ética. Por outro lado, temos as empresas que tentam adaptar sua estrutura tradicional a esse novo ambiente. E a grande pergunta é: Por que tem sido tão difícil contratar e engajar um talento?

Foi pensando nisso que surgiu o ZOONY.co é, uma plataforma de auxílio ao estudante universitário que o conecta às melhores vagas de estágio segundo o seu perfil comportamental.  É muito simples, a plataforma fomenta o desenvolvimento pessoal e profissional de cada estudante traçando o seu perfil e gerando dicas de planejamento e capacitação de acordo com suas metas. Dessa forma, o Zoony torna a inserção ao mercado de trabalho uma tarefa mais direcionada e segura. Você encontra o trabalho que combina com você, e a empresa encontra um profissional ideal para o cargo! A plataforma visa eliminar as incompatibilidades comuns entre a cultura das empresas e os objetivos de seus jovens talentos, direcionando os processos seletivos de acordo com o perfil das duas partes envolvidas. Muito legal né? Agora você pode encontrar a empresa que se encaixa com seu perfil, você feliz, empresa satisfeita com o bom trabalho, e assim todo mundo ganha!

Conheça o Zoony.co e mande seu currículo. 

 

Passei Direto, a rede social que vai facilitar sua vida de universitário

passei-direto

O Passei Direto é uma rede social para estudos que tem como missão conectar estudantes e os seus conhecimentos. O site foi criado em 2012, por André Simões e Rodrigo Salvador. Os dois estudavam na PUC-Rio e se conheceram graças ao seu objetivo em comum: desenvolver uma nova forma de estudar. Assim nasceu o Passei Direto!  A rede é colaborativa e conta com mais de 2 milhões de usuários, milhares de arquivos e está presente em todas as universidades do Brasil. No Passei Direto o estudante organiza a sua grade de disciplinas, conhece estudantes de todo o país, tira dúvidas, encontra materiais de estudo e recebe convites para oportunidades em grandes empresas do Brasil.

Dê uma olhada nesse vídeo e entenda como funciona o Passei Direto.

Para usar, é bem simples. Primeiro, insira o nome do local onde estuda. O serviço tem uma lista extensa de universidades do Brasil. Depois, coloque o curso,  e toque em “concluir”. Em seguida, você será redirecionado para aba “Atividades Recentes” daquele determinado curso naquela universidade. Ali, é possível ver as publicações das pessoas que inseriram os mesmos dados que você nos primeiros passos de configuração do aplicativo.

Toque no ícone do canto esquerdo e o menu irá ser aberto. Selecione “disciplinas” para adicionar as matérias que você estiver tendo aulas. Há uma lista de todas as que estão disponíveis no seu curso. Você pode marcar como “Já passei”, para aquelas que já tiver concluído. Outra função interessante é o compartilhamento de arquivos, ainda dentro das disciplinas em curso. Dessa forma os estudantes trocam documentos úteis, como textos e provas para serem feitas em casa. Os uploads feitos por você são armazenados no próprio site.

Uma dica interessante para quem  acessar as disciplinas que está cursando é a de troque informações com os outros alunos. Quando faltar uma aula, por exemplo, não fique por fora dos assuntos discutidos. Por último, mas bem relevante, está o calendário, no qual você pode agendar datas de provas, trabalhos etc., e ainda sincronizar com o calendário do seu celular. O site TechTudo fez um tutorial de como utilizar a rede social, acesse aqui, e saiba como aproveitar o Passei Direto da melhor maneira possível

Com tantos recursos, o Passei Direto é um gerenciador ideal para sua vida acadêmica. Faça download e confira!

 

Fontes: Passei Direto, Exame, TechTudo

11 redes sociais e apps para apaixonados por livros e escritores

Books2

Com o objetivo de aumentar o relacionamento entre pessoas com gostos em comum, as redes sociais de leitores e escritores têm apresentado recursos cada vez mais sofisticados. Os usuários podem encontrar serviços que vão desde a troca de textos online, até o intercâmbio de livros físicos e recursos para organizar uma moderna estante virtual. Confira algumas das mais famosas redes sociais literárias.

1 – Livreto

Com um visual dinâmico e interessante, o Livreto é uma rede social para leitores com vários livros para classificar como lidos ou desejados, permitindo ainda que os usuários troquem suas opiniões.

O3QZAPf

Como muitas das obras em seu acervo foram incluídas pelos próprios participantes, a plataforma possui muitas informações duplicadas ou incompletas, enquanto algumas de suas imagens não estão enquadradas ou têm baixa resolução. No entanto, é possível encontrar de tudo por lá.

2 – Widbook

Esta plataforma reúne uma comunidade colaborativa para compartilhar gratuitamente e-books independentes. Participantes podem escrever textos, ler novidades e publicar mensagens de críticas.

widbook3

Com vários recursos para interagir com outros usuários e promover obras no Facebook, Twitter e Google+, o Widbook pode ser acessado pela Web, mas também possui apps para Android e iOS.

3 – Orelha e Livro

Em uma interface simples, o Orelha de Livro é uma rede social para leitores interagirem. Além disso, ela oferece recursos para montar uma biblioteca virtual com livros lidos e desejados.

home

Com uma eficiente ferramenta de buscas, a plataforma apresenta também uma enorme lista de autores e suas obras. Além disso, o usuário também tem acesso a um ótimo feed de notícias e pode visualizar um ranking com os 100 livros mais lidos.

4 – Shelfari

Criada em 2006 e adquirida pela Amazon em 2008, a Shelfari foi uma das primeiras redes sociais literárias da web. Seus usuários podem criar uma estante virtual com as obras registradas, podendo ainda catalogá-las por temas e classificá-las com notas de acordo com seus interesses.

shelfari-shelf

Apesar de só ter títulos em inglês, a plataforma tem comandos intuitivos, um visual agradável e com várias informações sobre autores e suas obras. Entre os dados é possível encontrar notas editoriais, resenhas de outros usuários, capas de outras edições, etc.

5 – Minhateca

Desenvolvido para a web, mas já com um app para Android, o Minhateca é um serviço online gratuito e colaborativo para compartilhar textos, imagens e arquivos por nuvem.

minhateca2

Com um eficiente sistema de busca por autores e títulos, a plataforma permite encontrar diferentes textos e em diversos formatos, desde que publicados e disponibilizados por outros usuários.

6 – Scribe

Scribe é uma rede social que reúne textos independentes e colaborativos, com o objetivo de reunir usuários com interesse de ler e compartilhar contos, resenhas e poemas de diferentes temáticas.

scribe-nova-rede-social-escritores-leitores

Em uma interface agradável e intuitiva, a plataforma promove também uma série de concursos culturais e oferece recursos para curtir, comentar e publicar os textos no Facebook, Twitter e Google+.

7 – Skoob

Criado em 2009, o Skoob é uma rede social colaborativa para montar uma biblioteca virtual com livros lidos e desejados, permitindo ainda que seus usuários escrevam resenhas e classifiquem as obras com notas.

realnerd-skoob

Desenvolvido por brasileiros, o Skoob tem um excelente sistema para troca de livros, oferece grupos de discussão sobre diferentes temas, pode ser vinculado a uma conta de Facebook e ainda tem apps para Android e iOS.

8 – Movellas

Com um enorme acervo de textos e poesias independentes sobre os mais variados assuntos, o Movellas é uma plataforma colaborativa para escrever, divulgar e ler.

movellas

Os usuários podem escolher feeds sobre diferentes temas, vincular contas com as mais variadas redes sociais e acessar a plataforma através da Web ou de apps para Android e iOS.

9 – Wattpad

Wattpad é uma rede social para leitores e escritores que também oferece milhares de livros e contos gratuitos, publicados e compartilhados por seus usuários. Apesar de grande parte de seu conteúdo estar em inglês, a plataforma tem uma excelente ferramenta de buscas.

Wattpad-3-7-8-Free-eBook-Reader-Brings-New-Sharing-Features-to-iOS-Users-2

Com diversas áreas temáticas e a praticidade de vincular contas de Facebook e Twitter, o Wattpad pode ser acessado pela Web ou através de apps para Android, iOS e Windows Phone.

10 – Goodreads

Apesar de só apresentar livros em inglês, o Goodreads é uma rede social para leitores com informações organizadas e várias matérias sobre novidades literárias.

Goodreads-642x481

Sua interface apresenta um feed de notícias muito sofisticado, mas também oferece recursos para buscar autores e suas obras e montar uma estante virtual, permitindo que cada livro seja classificado com notas e receba resenhas e comentários.

11 – Livralivro

Com o objetivo de promover e estimular a troca de livros entre seus usuários, o LivraLivro é uma rede social para leitores com um visual amigável e intuitivo.

livralivro

A plataforma possui recursos para adicionar obras literárias em uma estante virtual e avalia-las. Ela também traz um interessante sistema de pontuação e classificação para enviar e receber livros.

fonte: Techtudo

Aplicativos para “turbinar” seus estudos para o ENEM e Vestibulares

aplicativo_unasp

Ainda bem que hoje em dia podemos contar com a tecnologia para dar uma ajudinha extra na hora dos estudos. Atualmente existem centenas de aplicativos para estudantes que ajudam a lidar com as tarefas, organizar os estudos e dar dicas de matérias. Assim, ao usá-los, você pode se concentrar em atividades importantes e preparar-se para as provas do ENEM e Vestibulares, que já estão quase chegando!

Pensando nisso trouxemos uma seleção de aplicativos que vão te ajudar a manter-se atualizado e com uma rotina de estudos organizada.

1-) TED: Aprenda com os gênios da atualidade!

Reunindo conferências e discursos de alguns dos melhores pensadores sobre diversos assuntos, a TED (Technology Entertainment and Design) expõe a filmagem de palestras com mais ou menos 30 minutos de duração com as informações, discussões, ideias e pesquisas mais modernas da atualidade. O aplicativo oficial desta instituição sem fins lucrativos disponibiliza todo o seu enorme acervo de vídeos e áudios de suas conferências, organizados em uma interface agradável, bastante atrativa e com comandos extremamente intuitivos. Clique aqui para conhecer mais. (via: TechTudo) 

2-) Cola Matematica: Resolva problemas matemáticos. 

Cola Matematica é um aplicativo para Android e iOS  que oferece recursos para ajudar a resolver problemas de álgebra e geometria. Apresentando fórmulas e recursos diferentes, seus usuários poderão acompanhar o passo a passo na resolução de diversas operações. Ideal para ajudar seus usuários a conferir fórmulas e resultados durante os seus estudos, o Cola Matémática é uma aplicativo bastante completo e gratuito. Além disso, é possível comprar sua versão paga para Android ou pagar pela variante Premium no iOS para remover os seus anúncios. (via: TechTudo) 

3-) Acordo Ortográfico: Tire de letra as novas regras do acordo ortográfico.

O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990 é um tratado internacional firmado em 1990 com o objetivo de criar uma ortografia unificada para o português, a ser usada por todos os países de língua oficial portuguesa. Foi assinado por representantes oficiais de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe em Lisboa, em 16 de dezembro de 1990.

Com um interface de utilizador simples e intuitivo esse aplicativo permite-lhe :

– Consulta rápida das novas regras da escrita introduzidas com o Acordo Ortográfico de 1990.

– Consulta e pesquisa das alterações introduzidas no vocabulário.

– Consulta da grafia antes do acordo e depois do acordo.

– Listagem das regras aplicadas em cada vocábulo.

– Alterações de vocabulário no português do Brasil e no português dos restantes países lusófonos .

4-) Gabaritar: Estude com as provas do ENEM. 

Gabaritar é um aplicativo que ajuda a controlar as horas de estudo. Toda vez que o usuário fizer algo não relacionado, ele desconta o tempo, e vai marcando como num cronômetro as horas em que estudou disciplinas específicas. O app contabiliza essas horas e monta gráficos de acompanhamento. Além dessa função, ele faz busca pelos últimos editais e mostra quais disciplinas estudar para cada uma (além de quanto tempo passar em casa disciplina). Dessa maneira, fica fácil organizar seu plano de estudos. Gabaritar também dá dicas de como melhor seu desempenho, melhorar seu progresso e alcançar melhores resultados nas provas e testes que tiver. (via: Info Exame)

5-) EstudaVest: Estude com simulados. 

O EstudaVest é um aplicativo para Android que oferece ao usuário um ambiente repleto de questões do ENEM, provas de vestibulares de diversas universidades do Brasil e simulados para testar seus conhecimentos. Assim, o usuário pode se preparar para os concursos e ter acesso a estatísticas para acompanhar seu desempenho. Além disso, ele disponibiliza um blog com novidades nos concursos, calendário com vestibulares de todo país, vídeo aula, fórum para interagir e tirar dúvidas com outros estudantes e um ranking. Sua proposta é ser um complemento ao seu estudo, pois nele há as respostas das questões que o usuário resolve. (via: TechTudo) 

6-) Pense+ Enem: Todas as provas do ENEM desde 2009

Com o aplicativo Pense+ (ENEM), você pode exercer seus conhecimentos resolvendo simulados de avaliações anteriores diretamente da tela do seu smartphone Android. O app oferece mais de 350 questões dos anos 2009 e 2010 para você revisar, em modo off-line, antes de chegar o dia da prova. (via: TechTudo) 

7-) Maratoon: Chame seus amigos para o desafio!

O GUIA DO ESTUDANTE lançou um novo aplicativo para celular que ajuda os estudantes a estudarem para os vestibulares. O Maratoon é um jogo de perguntas e respostas com questões que podem cair nas provas. Para jogar, e estudar, basta selecionar o seu avatar (um menino ou uma menina) e escolher uma das cinco áreas do conhecimento: Atualidades, Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática e Português. Escolhido o tema, você pode desafiar seus amigos para saber quem está melhor preparado para o vestibular – há também a versão de jogar sozinho. (via: Guia do Estudante)

10 dicas para você controlar sua vida financeira

save_money

Ter uma vida organizada já não é uma tarefa tão fácil quanto parece. Agora, ter uma vida organizada na questão de dinheiro, às vezes parece ser impossível! O dinheiro entra na conta todo mês e some como em um passe de mágica. Mas nós sabemos que não tem mágica nenhuma, só a falta de cuidado e planejamento da nossa parte.

Então para dar uma ajuda nesse quesito, hoje vamos mostrar algumas dicas para você organizar sua vida financeira. Cuidar dos seus gastos, saber onde investir e com poupar.

c

1-) Guia de Bolso

GuiaBolso está entre os 10 apps de finanças mais baixados da Apple Store, venceu o prêmio de empreendedorismo digital INFO Start de 2014 e ao ser relançado, em agosto de 2014, foi classificado como um dos melhores apps novos pela Apple, passando inclusive o app de paqueras Tinder.

A ferramenta é ideal para quem não tem paciência de preencher gasto por gasto na planilha. Ao inserir os dados das suas contas bancárias, o aplicativo organiza todas as informações, como o valor do salário, as despesas realizadas, os extratos de cada cartão, etc. Uma vez cadastradas as contas, o app também atualiza cada transação automaticamente.

2-) Microsoft Office – Planilha de Excel 

Para quem gosta de fazer planilhas no Excel a Microsoft elaborou o Microsoft Office. Clara, completa e intuitiva. Para usá-lam basta inserir sua renda e as despesas do mês em uma das classes de gastos. A própria planilha calcula o saldo final do orçamento. Link para download.

3-) Dinheirama

Desenvolvida pelo Dinheirama, empresa especializada em educação financeira, a ferramenta traz dicas importantes sobre como administrar as finanças pessoais. Diferentemente de outros aplicativos, as notícias vêm em grande quantidade e são sempre atuais, já que a ferramenta é abastecida pelo conteúdo produzido para o site do Dinheirama. O usuário também pode fazer o upload dos extratos bancários e importar automaticamente todas as informações neles contidas. Disponível nas versões webAndroid e iOS.

4-) Gastos Diários 

Além de organizar as rendas e despesas e registrar por data as movimentações financeiras, o app analisa os resultados em relatórios e gráficos que mostram a relação entre as entradas e saídas do orçamento. Também permite que criar um backup dos dados. É o décimo app mais baixado do Google Play, apenas atrás de aplicativos de bancos e de cartões de crédito. Disponível para Android.

5-) Mobills

Os gastos e receitas são cadastrados no app de forma bem simples. A ferramenta pode ser acessada pelo computador ou pelo celular e ao sincronizar os dados na nuvem o usuário consegue acessar as informações por ambas as plataformas. Também é possível interagir com outros usuários e com os administradores do Mobills na área de fórum, seja para fazer comentários ou para pedir dicas sobre finanças pessoais. Pode ser acessado pelosite ou pelos apps para Android e iOS.

6-) Orçamento Inteligente – Para quem faz o orçamento em conjunto

Inspirado no design do bloco de notas da Apple, o app Orçamento Inteligente se destaca por possibilitar a sincronização dos dados em diferentes aparelhos, permitindo que o orçamento seja compartilhado com toda a família. A versão gratuita é limitada a 30 transações. Disponível apenas paraiOS.

7-) Planilha IDEC

A planilha do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) é indicada para quem sempre anotou os gastos no papel e ainda não está muito acostumado ao uso de planilhas no computador. A primeira página do documento é dedicada apenas a instruções sobre como usar a ferramenta. O manual também ajuda quem nunca fez um orçamento antes, já que inclui definições de termos como receita líquida, despesas fixas e variáveis. Também inclui a aba “aplicações”, que pemite observar a evolução dos investimentos. Download

8 -) Moni – Simples e prático

Com um design simples, o Moni é indicado para quem está começando a descobrir o universo dos apps. A ferramenta basicamente registra receitas e despesas e mostra o saldo final do usuário. Também é uma boa opção para quem gosta de fazer as anotações do seu jeito. “Em uma era que tantas coisas são automatizadas, algumas vezes você tem que fazer algo de forma manual para dar certo”, diz a descrição do app na Apple Store. Disponível para iOS e Android.

9-) BM&FBovespa – Para acompanhar a evolução dos investimentos

A planilha da BM&FBovespa reúne em uma única aba do Excel o orçamento de todos os meses do ano. Além das despesas e receitas, o documento possui um quadro de anotações para investimentos, que se divide entre: ações, Tesouro Direto, renda fixa, previdência privada e outros.Download.

10-) Minhas economias – Para alcançar objetivos

O principal destaque da ferramenta é o chamado “Gerenciador de sonhos”. Ao informar uma meta, como a compra de um imóvel ou carro, e o seu custo estimado, o sistema calcula quanto será preciso poupar por mês e apresenta uma lista de dicas sobre como alcançar o objetivo. O recurso “Minhas Respostas” também permite solucionar dúvidas de finanças pessoais com os gerenciadores do app e outros usuários. Pode ser acessado pelo site ou pelos apps para Android e iOS.

 

Fonte: Exame.abril.com.br

APP converte exercícios físicos em benefícios para usuários

11083591_441266989367200_7199151436781866082_n

Você sabia que o sedentarismo é a maior causa de problemas de saúde no Brasil?  Ele está por trás de 13,2% das mortes no Brasil, segundo uma pesquisa publicada pela revista médica Lancet. No País, a inatividade é a causa de 8,2% dos casos de doenças cardíacas, 10,1% dos casos de diabetes tipo 2, 13,4% dos casos de câncer de mama e 14,6% dos casos de câncer de cólon. O número é um dos maiores da América Latina, onde 11,4% das mortes são causadas pelo sedentarismo. Números alarmantes não é mesmo? E tudo isso poderia ser evitado com o simples costume de inserir atividades físicas no cotidiano. Mas se o que falta para você é motivação , além do motivo mais básico que é cuidar da saúde, então seus problemas acabaram. O aplicativo “Mova Mais”, ainda está em fase de teste, mas já tem mais de 20 mil usuários inscritos!

10409451_441266339367265_191386420963819069_n

A proposta é muito simples: Você se cadastra no site e se conecta a um dos aplicativos suportados pelo Mova Mais e então é hora de sair para praticar atividades físicas. Os dados são registrados nos apps, extraídos pelo Mova Mais e convertidos em pontos que podem ser trocados por benefícios como viagens, hospedagem em hotéis e até materiais esportivos. 

Para realizar o cadastro é muito simples, basta acessar a página do projeto, baixar um dos aplicativos que o sistema suporta e suar a camisa, literalmente.

Dicas para não queimar sua imagem nas redes sociais

Multiethnic Group of People Socail Networking at Cafe

As redes sociais podem ter diversos pontos positivos, mas a cada dia que passa está mais complicado encontrar o equilíbrio saudável entre usar o perfil pessoal para promover-se de uma boa maneira ou queimar a sua imagem com postagens desnecessárias.

Querendo ou não precisamos estar cientes que as redes sociais funcionam como uma vitrine, então preste atenção, qualquer impulso comunicativo pode manchar sua reputação na vida profissional. E os recrutadores estão de olho nos perfis, como Facebook, Instagram e Twitter. Segundo um estudo do CareerBuilder, site americano de recrutamento, 51% dos 2 138  empregadores entrevistados desistem de contratar um candidato após verificar suas postagens.

Mesmo quem não está atrás de emprego deve tomar cuidado: chefes e colegas observam como andam as publicações alheias. “Uma atitude inflexível em uma discussão online passa a imagem de um profissional que não sabe trabalhar em equipe”, diz Luís Testa, da Catho, site de recrutamento, de São Paulo.

Para não cair em armadilhas e correr o risco de manchar sua reputação o site Exame criou uma lista de 16 dicas para preservar sua imagem virtual.

1- Use ferramentas de privacidade 

A lista de amigos não é homogênea: tem chefes, ex-chefes, colegas e pessoas mais íntimas. Cada grupo pede um tipo diferente de mensagem. O Facebook cria filtros e listas que podem ser aplicados nos posts. Isso permite que alguém selecione só os amigos para compartilhar a foto do Réveillon, e só os colegas quando quiser postar um texto corporativo.

2 – Pense antes de publicar

As linhas do tempo são lotadas de informações. Mas nem todas foram revisadas antes de ser publicadas. A consequência? Posts com informações falsas e erros de português.  “Não é porque a internet é veloz que temos de nos posicionar com a mesma rapidez”, diz Bia Granja, do site Youpix, especializado em internet.

3-  Reclame na medida

As redes sociais viraram um grande SAC da vida, com gente que usa os perfis só para desabafar. Reclamar de vez em quando é normal, mas ser resmungão transmite uma imagem ruim. “Nenhum recrutador verá com bons olhos uma pessoa que está o tempo todo insatisfeita com tudo”, diz Ana Luiza Mano, fundadora do grupo Psicólogos da Internet, de São Paulo.

4- Diminua a ostentação

Há a impressão de que, na internet, todo mundo é feliz e só faz coisas incríveis. Postar imagens de viagens, restaurantes, sapatos novos e festas em excesso passa a impressão de ostentação.

O marketing pessoal exagerado não cola. Profissionais que se autopromovem assim dão a entender que não assumem falhas.

5 – Pegue leve nas críticas às empresas 

Todo cliente lesado por algum serviço ou produto tem o direito de ficar bravo e reclamar. Desde que seja no lugar certo. Melhor falar sobre o problema com a empresa ou em sites voltados para reclamações.

Por mais que esteja irritado, mantenha a cordialidade: pode ser que, daqui a um tempo, você pleiteie uma vaga na empresa com a qual brigou.

6- Lembre-se que a zoeira tem limites 

Até os mais bem-humorados precisam ter noção. Às vezes, uma piada pode ofender — mesmo que essa não tenha sido a intenção. Avalie o tom do post e nunca faça comentários ofensivos disfarçados de piadas.

Brincar com as minorias está fora de cogitação: as empresas valorizam quem sabe lidar com a diversidade.

7 – Analise as redes

Cada rede tem um perfil específico que deve ser levado em conta. Não pega bem postar convite para seu aniversário no LinkedIn ou compartilhar seu currículo no Facebook.

8 – Publique com moderação

Crie uma rotina para seus posts e uma frequência tolerável para se expor online. Quem escreve demais parece que está viciado, comportamento que pode prejudicar a produtividade e ser malvisto pelos chefes.

9 – Seja coerente

As redes sociais devem refletir quem você é na vida real. Não adianta se esconder atrás da tela e criar uma imagem diferente da mostrada no trabalho.

As pessoas percebem a incoerência e ficam em dúvida sobre a personalidade. Preste atenção também nos seus contatos: não adianta tomar cuidado com o perfil se todos os seus amigos parecem ser exatamente o contrário de quem você é.

10 – Saiba que o anonimato é lenda

Antes de publicar qualquer coisa, imagine se teria coragem de dizer aquilo pessoalmente, sem se envergonhar ou se arrepender no futuro. Na dúvida, apague o que escreveu. Essa atitude demonstra maturidade e o entendimento de que nem tudo precisa ser compartilhado.

11 – Controle as emoções

Todo mundo perde a cabeça e fala bobagem. Só que na internet o escorregão, às vezes, fica imortalizado. Respire fundo antes de se manifestar. Responder com classe a uma provocação impressiona os chefes, pois significa inteligência emocional.

12 – Evite falar sobre sua empresa

Se estiver com um problema no seu trabalho, não espalhe nas redes. Fazer isso não soluciona nada e só gera mal-estar — além de mostrar que o profissional não tem maturidade para chamar o chefe para conversar e tentar resolver a questão.

13- Cuidado com a linguagem

Vários mal-entendidos ocorrem porque as palavras para certos posts não foram bem escolhidas e possuem um tom indelicado ou irritado. Evite caixas altas, por exemplo, que são consideradas gritos na internet.

14 – Mantenha a discrição

Se a discussão com um de seus contatos ficar mais séria, opte por uma conversa particular para evitar a exposição de seus problemas ou pontos de vista polêmicos. Discrição na hora de resolver pendências é uma competência essencial em momentos de crise.

15- Leia a política de privacidade 

As empresas têm regras claras para o uso das redes sociais no ambiente corporativo. Descobrir qual é o código de conduta adotado pelo local onde trabalha minimiza erros, como compartilhamento de informações sigilosas.

16 – Saia da bolha

A dinâmica das redes contribui para que apenas conteúdo parecido com o que você posta apareça na linha do tempo. Isso colabora para que as pessoas ignorem que existem opiniões e assuntos diferentes.

É importante dar valor a informações que não fazem parte do dia a dia.

 

Disponível no site www.exame.abril.com.br